Bike Point SC

Fale Conosco

ou ligue: (48) 3443-4332

Meu Carrinho

Produto(s): 0

Área do Cliente

Meus pedidos

Você está em: Institucional / Últimas notícias

Voltar

Últimas notícias


01/10/2018 por: João Paulo

Mundial de Estrada 2018 - Valverde veste a Arco-Iris pela primeira vez em sua carreira

Espanhol de 38 anos conquista o mundial depois de 11 tentativas e 7 medalhas

O veterano espanhol Alejandro Valverde conquistou hoje um dos mais importantes títulos de sua carreira ao vencer de forma espetacular o Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada 2018, competição realizada em Innsbruck, na Áustria - o atleta já bateu na trave várias vezes, conquistando um total de 7 medalhas mas nenhuma vitória em 11 participações.



"É incrível! Lutando, lutando, é um sonho! E tenho que agradecer a equipe porque eles foram nota 10. Eu estava me poupando para o sprint e a verdade é que é algo incrível. Sempre foi um sonho meu ser campeão mundial", explicou o espanhol de 38 anos que coleciona vitórias em provas clássicas e grandes voltas.

Com mais de 250km e cerca de 5 mil metros de escalada, a competição aconteceu em câmera lenta até os momentos finais. A ação do dia concentrou-se basicamente na escalada do Höttinger Höll - uma parede de apenas 3km com média de 11.5% e máxima assustadora de 28% - neste cenário, a pura inclinação da subida selecionou os mais fortes.

No começo da rampa, o dinamarquês Michael Valgren liderava com 30 segundos de vantagem, com um pequeno pelotão controlado pela França em rápida aproximação. Naquele momento, as chances de vitória de Julian Alaphilippe, Thibaut Pinot e Romain Bardet pareciam grandes.

Porém, o ataque que definiu as posições finais partiu do canadense Michel Woods. Ele acelerou trazendo Bardet e Valverde em sua roda. O trio cruzou o topo do Höttinger Höll sozinho, com Tom Dumoulin passando cerca de 30 segundos atrás.

Depois da descida, o trio entrou em um trecho repleto de curvas e ruas estreitas dentro da cidade de Innsbruck. Dumoulin seguia em franca perseguição, reconectando-se com os ponteiros quando faltavam cerca de 2km para a chegada. Apesar de ter puxado o pequeno grupo durante boa parte da aproximação final, Valverde ainda teve pernas para superar todos os adversários no sprint final.

Resultados

1 Alejandro Valverde (Espanha) 6:46:41 
2 Romain Bardet (França)
3 Michael Woods (Canada)
4 Tom Dumoulin (Holanda)
5 Gianni Moscon (Italia) 0:00:13
6 Roman Kreuziger (Republica Tcheca) 0:00:43
7 Michael Valgren Andersen (Dinamarca)
8 Julian Alaphilippe (França)
9 Thibaut Pinot (França)
10 Rui Costa (Portugal)

mais notícias